16 de mai de 2014

OLHAR COM TERNURA


O FEITIÇO ESTÁ NO SEU JEIO DE OLHAR.
 

 
Minha cabeça parece vazia
Meu pensamento sem coordenação
Estou precisando falar com você
O que está inquietando meu coração

 Sinto falta do seu abraço
Meu corpo ardendo procura seu corpo
Quero possuir-te e estreitá-la nos meus braços
Para que o mundo e vida voltem a me sorrir

 Estou com saudade dos seus beijos
Sinto imensamente falta do seu carinho
Sem você constantemente nos meus braços
Mesmo no meio da multidão, sinto-me sozinho

 Enrosque seu corpo no meu
Não deixe de olhar-me com ternura
Para o arrepio do prazer me invadir
Então vou te amar intensamente,

Com este seu jeito de se entregar levando-me à loucura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário