BETIM, UM PARAÍSO SENDO DESTRUÍDO

01 agosto, 2022

VOLTANDO AO PASSADO

 

Vou usar esta página para mostrar aos meus leitores a indignação que sinto ao ver o quanto os pobres continuam sendo expezinhados por políticos corruptos e funcionários gananciosos  de todas as esferas do governo. 

           A NOVA GERAÇÃO PRECISA ACORDAR

                Escrevi este texto em maio de 2006. 
                           Alguma coisa mudou?   

Agora, sempre que escrever sobre problemas sociais que causam o abandono dos pobres vou começar pedindo desculpas às exceções, porque espalhado por este Brasil afora verdadeiros anjos de carne e osso cumprem com dignidade e amor o papel que deveria ser da família, do poder público e de muitas outras pessoas que insistemem em ignorar a miséria e a fome sofrida  pelos deserdados do poder.
Muitas pessoas ficam tristes na frente do televisor vendo as imagens que mostram pessoas subnutridas morrendo de fome nos países pobres, principalmente na África. Mas uma grande maioria não quer entender que aqui no nosso país isto acontece bem na nossa porta e nós preferimos ignorar.
O abandono dos pobres à sua própria sorte é com certeza ignorar a presença de Deus.
Quero fazer um alerta aos jovens que serão os pais da futura geração: Se vocês não mudarem a maneira de ver o futuro, e não se prepararem para uma luta ferrenha contra as injustiças sociai e contra a degradação do meio ambiente, o futuro do mundo, e principalmente do nosso país será de muito sofrimento, sangue e dor.
Já está acontecendo.
Se as pessoas em condição de prestar algum tipo de ajuda emocional, educacional ou financeira não tomarem posicionamento e se mobilizarem para lutar contra a miséria e a fome, a situação vai ficar insuportável.
Se os asilos continuarem abandonados e os nossos idosos e idosas sendo exploradas por seus filhos e neto e outros familiares, vai chegar um momento em que todas essas portas também se fecharão.
O governo não criou um meio termo entre o hospital e o asilo, e por isso, quando uma pessoa está ocupando o leito de um hospital sem que a medicina possa fazer mais nada para curá-la, ela é devolvida para casa ou jogada em um asilo para morrer ao lado de pessoas estranhas que vivem ali.
Se as crianças continuarem morando nas ruas como cachorros sarnentos, e nos abrigos que continuam torturando os jovens internos for a única esperança para quem não teve em quem se apoiar quando estava na hora de formar sua personalidade, com certeza seremos um país com muitos assassinos e ladrões.
Quem vai proteger os filhos da nova geração?
Quem vai proteger os seus netos?
Se a justiça social não for além da uma cesta básica ou de um vale qualquer coisa, e não procurar atingir o cerne que causa a miséria... O futuro vai nos apresentar uma legião de marginais controlando cada rua das cidades sob o comando dos traficantes e dos seus financiadores, que quase sempre são “empresários gananciosos, políticos corruptos, agentes da lei e pessoas que ocupam cargos em todas as esferas dos governos.
Se não agirmos depressa, esses “donos” serão a lei, a justiça e o juiz que julgará os herdeiros de quem cruzou os braços diante da miséria.
É hora dos pequenos e grandes empresários e das pessoas com melhor poder aquisitivo investirem na educação de jovens e crianças da periferia e pararem de dar esmolas nos sinais de transito  achando que estão fazendo caridade.
Precisamos lutar contra os mecanismos que promovem a miséria.
Em um país onde o político é inatingível pela lei, e o pobre é como uma mercadoria de segunda em liquidação, precisamos fazer um mutirão para cobrar a quem de direito para que a riqueza do país seja usada na transformação dos pobres  abandonados em seres humanos de verdade.
Na década de oitenta o governo fechou os manicômios que eram locais de tortura e "devolveram" os internos para suas famílias.
E fico pensando...O que era ruim? O Manicômio, ou a forma como eram conduzidos os procedimentos e o comportamento dos que eram pagos para cuidar dos doentes?
Para os que podem pagar uma casa de acolhimento da iniciativa privada, a lei não provocou nenhuma mudança significativa, porque é só levar o parente para uma dessas casas e fingir que ele não existe.
Imaginem a angústia de uma pessoa que precisa trabalhar todos os dias e ter que deixar uma pessoa com algum distúrbio mental convivendo com sua família. Por quanto tempo isso será possível?
Na semana passada a polícia militar da minha cidade fechou uma casa onde um “religioso” mantinha dez seres humanos trancados, com fome e sem higiene pessoal, como se fossem animais sem dono. Para entrarem na casa para retirar essas pessoas foi preciso usar três máscaras descartáveis ao mesmo tempo. Os policiais percorreram vários lugares e ninguém quis acolhê-los, até as casas mantidas com dinheiro público alegaram falta de vaga.
Quando não se consegue uma vaga para acolher a imagem e semelhança de Deus, não é possível improvisar?
Nós da SSVP os acolhemos. O Lar Vicentino Divino Ferreira Braga improvisou.
Os albergues públicos, então, são verdadeiras aberrações, "recolhe" o pobre como se fosse lixo, dá-lhe um banho e um prato de comida como se fosse um cachorro, e o devolve de volta para as ruas para continuar percorrendo sua via-crúcis e continuar cumprindo sua pena de condenado pela pobreza.
Por que não fazer desses lugares um centro de triagem para colocar na cadeia os que são de cadeia, e tirar definitivamente da rua o pobre que não tem para onde ir?
Muitos dirão que isto é impossível!
Mas nada é impossível quando o amor e a caridade vêm em primeiro lugar.



                        ISTO É UMA VERGONHA

                          Escrevi este texto em maio de 2007. 
                            Alguma coisa mudou?  

Os últimos acontecimentos de roubos e falcatruas vindas de Brasília manchando deixando no ar um cheiro de podridão e safadezas no meio político me levaram a escrever mais este artigo, mesmo sabendo que todos estão cansados de ouvir e ler sobre tramoias e falmacutaias para enriquecimento fácil, eu não poderia deixar de comentar.
Nos últimos meses a minha cidade foi notícia nacional por causa da roubalheira dos políticos, e enquanto isso, o asilo de caridade da SSVP que eu dirijo como voluntário, recebe uma esmola e é obrigado a ostentar uma placa dizendo que tem convênio com a prefeitura.
O povo de Brasília, a capital dos trambiques, também deve estar envergonhado, pois a maioria elegeu o senador José Roberto Arruda que renunciou ao cargo com apenas seis meses de mandato para que não fosse cassado e impedido de se candidatar na próxima eleição. Será que a sua história de tramoias se resume única e exclusivamente a estes seis meses, ou há muito tempo ele vem comprando votos como as mercadorias baratas dos camelôs?
Quem tem um pouco de bom senso deve sentir vergonha de ser brasileiro, pois no lugar do senador que renunciou assumirá o suplente, este maldito cargo que não serve para nada, que é seu amigo e que está envolvido em falcatruas maiores que as do próprio titular, e dói ouvir este político dizer que pode e tem o direito de assumir o cargo porque os “crimes que ele cometeu não foi enquanto senador”.
A constituição diz que todos são iguais perante a lei.
Se isto fosse verdade, quando  uma pessoa  pobre roubar alguma coisa em um supermercado para alimentar seus filhos, ela não poderá  ser presa, porque quando cometeu este erro, não foi enquanto cidadã honesta, e sim, como  um pai ou uma mãe desesperada que ouve seu filho chorar de fome enquanto muitos safados gastam o rios de dinheiro roubado dos cofres públicos.
O meu estado também foi notícia com um deputado (representante de uma seita que se diz religiosa) que foi acusado de mandar matar outro parlamentar. Coincidentemente o maior jornal do estado trouxe uma foto de uma fortaleza de luxo desta seita, construída ao lado da barragem da minha cidade e registrada como uma ONG que recebe recursos para “cuidar” de jovens drogados. Que me perdoem as ONGS sérias deste país, mas as fundadas e exploradas por políticos nada mais são que organizações de quadrilhas que sangram os cofres públicos.
O Brasil é um paraíso, isto é cantado em todo o mundo, e é uma grande verdade porque temos uma natureza exuberante e uma população pacata e festeira.
O Brasil é conhecido também como o paraíso da corrupção.
Outra grande verdade!
A maioria dos nossos políticos, em todas as instâncias, não passam de ladrões e trambiqueiros que constantemente assaltam os cofres públicos, e por um povo pacato e ordeiro que tudo assiste sem esboçar a menor resistência, e em sua maioria, conivente na hora de votar. Como diria o saudoso BORIS CASOY, “isto é uma vergonha”.    

  

                    ALGEMARAM A JUSTIÇA
                  
               Escrevi este texto em maio de 2008.                                   
                      Alguma coisa mudou?   

A justiça do Brasil está fazendo jus ao seu símbolo representada pela deusa Thêmis com os olhos vendados carregando uma espada na mão direita e uma balança na mão esquerda.
Que a justiça do nosso país   é cega não resta a menor dúvida. Ela é cega diante dos desmandos de políticos e empresários corruptos que roubam descaradamente o dinheiro dos impostos pago pelos assalariados que constroem esta nação com seu suor e sangue. Aqui balança da justiça pende somente para o lado dos poderosos que manipulam as leis conforme suas conveniências.  A nossa constituição que deveria ser a guardiã da justiça e da lei, infelizmente, é constantemente manipulada para satisfazer a sede de dinheiro e poder dos mais poderosos.
Muitos juízes que deveriam ser os guardiões da justiça de da lei acham que podem agir como deuses e que estão acima da lei e da justiça.
Em 2008 proibiram o uso de algemas em bandidos ricos e poderosos e com isso deram um xeque-mate na dignidade do povo deste país que tinha tudo para ser de primeiro mundo se as tramoias e falmacutaias não tivessem o aval de quem deveria defender o direito de todas as pessoas.
“Todos são iguais perante a lei”. Isto está escrito na nossa Constituição que é usada somente para massacrar as pessoas pobres e mais vulneráveis.
Aqui a justiça é cega para os crimes cometidos por políticos e funcionários públicos corruptos que constantemente sangram os cofres dos governos em todas suas instancias, e por incrível que pareça, as verbas mais roubadas são as da saúde, da educação e da segurança, esses três pilares da corrupção. E o que me deixa irritado e  que quase nada é recuperado e poucos são presos e condenados.
O que também me irrita é que quando uma pessoa pobre é pega roubando uma lata de margarina barata ou um pão para alimentar seu filho, ela é humilhada e muitas vezes jogada dentro de uma cela com criminosos de alta periculosidade
Por que este mesmo pobre antes e depois de ser algemado tem que levar tapa na cara?
Que juízes são esses que enxergam em uma só direção?
São míopes?
Ou estão legislando em causa própria para quando precisarem de serem investigados já terem suas mordomias garantidas?
Que justiça é esta? 
Quem pode ou não, ser algemado?Com a palavra os juízes e todos os cidadãos de bem com coragem de dar sua opiniã.
Eu continuo dizendo: a nossa justiça continua algemada. Por que se assim não fosse, não estaríamos sem governo e sendo motivo de chacotas no mundo inteiro
E nós ficamos sem entender...
Quem é mais ladrão?
Aqueles que assaltam as pessoas nas ruas ou a queles que nem se dão ao luxo de saírem dos seus gabinetes ou salas acarpetadas para roubarem as verbas públicas usando a caneta como arma?
Quem são mais assassino?
Os traficantes e assassinos das favelas, das periferias, das boates de luxo e das mansões, ou os sacanas que roubam o dinheiro dos três pilares da roubalheira, educação, saúde e segurança de onde tiram milhões que nunca são recuperados? Verba esta que poderia ser usada para termos escolas de qualidade com professores bem remunerados e alunos saudáveis. Verba que poderia ser usada para fazer o SUS ser realmente o melhor serviço de saúde pública do mundo. Verba esta que poderia ser usada para melhorar o sistema carcerário que hoje não passa de um depósito de resto de gente massacrada.
E aqui fica a pergunta: Quem merece ser algemado?Com a palavra os juízes e todos os cidadãos de bem com coragem de dar sua opinião.Eu continuo dizendo, algemaram a justiça.  
       

                             E A GENTE AINDA VOTA

                Escrevi este texto em maio de 2008
                         Alguma coisa mudou?   

Escrevi outro dia que não sei se quero ficar informado dos acontecimentos, ou ficar ainda mais ignorante do que sou. Então resolvi escrever para demonstrar mais uma vez toda a minha indignação contra a classe política deste país, cuja maioria é formada por corruptos e trambiqueiros, para não falarmos, simplesmente, formada por ladrões
Com algumas exceções, é claro.
Hoje é domingo, 25 de janeiro de 2009, e como faço todos os dias abri o jornal e duas manchetes chamaram a minha atenção:
1ª) "A Longa Agonia dos 12 Profetas".
2ª) "Vereadores se dão aumento de até 150%".
E todo dia é assim, cheio de notícias que me incomodam.
De um lado a arte a história e a fé sendo destruídas pelo tempo e pela falta de compromisso dos políticos da cidade de Congonhas do Campo e do estado de Minas Gerais. Do outro lado a moral, a ética e a honestidade sendo destruídas pela ganância e pela falta de compromisso com a coisa pública.
E nesta reportagem vi de perto o continuísmo do roubo amparado pela lei ou pela inexistência da dela.
Enquanto isso nos EEUU o primeiro ato do presidente Barak Obama foi congelar o salário dos políticos.
Aqui, enquanto a crise mundial faz com que as empresas serias e muitos aproveitadores demitam seus empregados, os políticos aumentam os seus salários.
E a gente ainda vota!
Em um outro texto demonstrei o quanto se gasta com os salários dos políticos em geral.
Vamos ver o quanto se gasta apenas com os vereadores.
São números apenas ilustrativos, porque se tivéssemos acesso ao que realmente esses sanguessugas consomem, sofreríamos um infarto fulminante.
O brasil tem hoje aproximadamente 5.600 municípios. Faço questão de escrever o nome do meu país com letra minúscula.
Com uma média de 25 vereadores por município, teremos um número estimativo de 140.000 desses fazedores de nada, com raríssimas exceções.
Calculando que a média dos salários gira em torno de R$ 5.000,00 reais por mês, o país gasta aproximadamente 700.000.000,00 de reais por mês, e isto dá uma miséria de 840.000.000,00 de reais por ano.
Estes números são apenas dos salários, se somarmos o que “recebem” por fora e o quanto é roubado dos cofres públicos estes números chegam muito perto do absurdo.
E a gente ainda vota!
E tem tanta gente passa fome.
E tem tanta gente morrendo na fila dos serviços de saúde, implorando por um tratamento para que a morte não o leve cedo demais.
E quantas crianças estão fora da escola?
E quanta gente está sofrendo por causa de inundações causadas pela falta de obras que nunca são realizadas porque a verba foi desviada para os bolsos de alguns.
E a gente ainda vota.
É preciso que mais pessoas se sintam indignadas para que a coisa mude.
O problema é que quem não sofre na pele estas sacanagens, acha que não tem nada e ver com isto.
Eu por estar inserido no trabalho de assistência social voluntária, vou sempre me indignar toda vez que for preciso brigar para melhorar a vida dos moradores do asilo Divino Ferreira Braga aqui na minha cidade, e a vida das pessoas pobres que para os políticos servem apenas para votar.
Todos, principalmente os mais jovens, precisam aprender depressa a não concordar com os desmandos dos políticos.
Precisamos olhar para frente porque o tempo não para.
E esta situação, querendo ou não, é problema de todos, e afeta diretamente a vida de todos, mais dia, menos dia.

Vejam o comentário da advogada Ana Zélia da Silva, de Manaus.
Nós brasileiros não somos de briga, nem sabemos reagir, somos cordeiros que morrem sem berrar. Esta seria hora meu amigo, pena que nem todos possam ler seus artigos, falta divulgação, me dei o direito de enviá-lo a um Guerreiro do Amazonas, o último que ainda respeitamos, senador Arthur Neto, pelo menos tem a delicadeza de ler e responder, os outros nem isto fazem. Vivo no Brasil e com medo, temos aqui as fronteiras do terror, Colômbia, com as FARCS, Venezuela com Chávez, Bolívia com um ditador igual a Chávez e o Peru, mas pelo menos este não nos incomoda tanto.
A Polícia federal e o Exército já dominam as vias ou rotas de drogas, mas nós amazonenses vivemos com medo enquanto isto, certos políticos vão se fazendo e rindo da nossa cara. Ainda acredito que é melhor ser "corno do que ser político" porque corno é pro resto da vida e político depende da lábia, pode ser por 4, 8, 12 anos, ou sei lá, ou a vida inteira,
Alguns trabalham de verdade, lutam, honram o mandato popular que não é deles, mas do povo.
Outros são a vergonha de quem vota.
Deus te ilumine sempre. Ana Zélia
 

              

                   O BRASIL É UM PAÍS SACANA

         Escrevi este texto em maio de 2009
                 Alguma coisa mudou?          

Conversando com um amigo sobre os absurdos que acontecem todos os dias, chegamos a um consenso de que os políticos em sua grande maioria, são sacanas. 
As autoridades em sua grande maioria, são sacanas. 
As leis são sacanas. 
A justiça é sacana. 
Dizem que temos as mais belas praias do mundo, e é verdade, mas, de cada cem brasileiros, noventa e oito não conhecem o mar. 
Isto é Brasil. 
Isto é sacanagem. 
Somos o país das festas e dos carnavais, ocasião em que os turistas sexuais de todas as partes do mundo nos visitam, enquanto os nossos problemas são esquecidos ao som dos tambores e das cuícas.
E uma grande multidão se mobiliza para a “festa”. 
Nunca ouvi um chamado ou clamor nacional conclamando o povo a lutar contra o mal atendimento no serviço de    saúde, da educação, da segurança, e contra os desmandos dos políticos. 
Isto é Brasil. 
Isso é sacanagem. 
Falando em saúde pública, vejamos como o sistema funciona.
Com certeza, o SUS era para ser o melhor programa de saúde pública do mundo, se as pessoas mais pobres tivessem acesso total, mas os procedimentos mais complexos são accessíveis somente para os mais ricos.
Todos os serviços públicos de assistência social deveriam ser direcionados somente para as pessoas mais carentes, mas o SUS, e agora, o SUAS, não enxergam os problemas das pessoas mais pobres como prioridade.
Isto é Brasil 
Isso é Sacanagem. 
Estamos na época das chuvas.
Parece que a natureza está dando o troco diante de tanta destruição, as chuvas torrenciais derrubam casas e desabrigam milhares de pessoas, a sociedade se mobiliza fazendo doações que são roubadas ou deixadas apodrecer, ou queimadas por falta de sensibilidade de quem deveria fazê-las chegar até os desabrigados. 
Isto é Brasil 
Isso é Sacanagem. 
Nos países onde a política é levada a sério, a nomeação de uma secretária não pôde ser efetivada porque ela não pagou dívidas trabalhistas equivalente R$ 2.000,00 que tinha com uma ex-funcionária. 
Agora vejam o que o jornal Estado de Minas publicou sobre o sacana que assumiu a corregedoria da Câmara dos deputados: “O novo corregedor da Câmara dos Deputados, Edmar Moreira já assumiu o cargo defendendo uma proposta imoral: o fim do julgamento dos parlamentares no Conselho de Ética. Uma medida que pode beneficiá-lo num futuro próximo. Dono de um castelo avaliado em R$ 58 milhões em São João Nepomuceno, na Zona da Mata mineira, ele não declarou o imóvel à justiça Eleitoral. Ao TSE, informou ter patrimônio de apenas R$ 9,5 milhões. E o seu filho, o deputado estadual Leonardo Moreira (DEM) disse que o pai doou o palácio para ele e para o irmão. Mas, na declaração de bens, eles também omitiram a existência do imóvel que foi posto à venda e estaria desabitado’. 
Isto é Brasil.
Isto é sacanagem. 
O mundo está em crise, e o governo injeta dinheiro nas grandes empresas privadas, e o sistema financeiro lucra cada vez mais, e os políticos aumentam seus salários do jeito que bem entenderem. 
Isto é Brasil 
Isto é sacanagem.  
Vejam mais alguns acontecimentos que nos amedrontam.
06-01-2009 
Em uma briga em uma lanchonete em São Paulo, um policial civil e um militar trocaram tiros que atingiram e mataram uma garota de quinze anos.
Isto é Brasil. 
Isto é sacanagem 
O dono do castelo citado nesse texto vai ser tirado da corregedoria mas foi preciso a imprensa denunciar os desmandos para ele perder um pouco do poder, mas ainda continuará deputado e sugando o dinheiro do povo. 
Isto é Brasil. 
Isto é sacanagem. 
O Superior Tribunal decidiu que um criminoso só poderá ficar preso depois de esgotado todos os recursos de apelação. Então, quem puder pagar um bom advogado nunca irá para a cadeia, mesmo tendo cometido os crimes mais hediondos.
Isto é Brasil 
Isto é sacanagem 
Agora vejam as sacanagens mais recentes.
O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu em sessão nesta quinta-feira (16) que presos encarcerados em cadeias superlotadas ou com más condições de saúde e higiene podem ser indenizados pelo governo por danos morais. A decisão foi proferida ao julgar recurso da Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul contra decisão do Tribunal de Justiça daquele Estado, que, ao julgar o caso de um preso, entendeu não ser possível exigir do governo estadual indenização por danos morais devido às más condições do presídio.
O julgamento do STF tem a chamada "repercussão geral", ou seja, a decisão do Supremo deve obrigatoriamente ser seguida por outros tribunais em questões semelhantes. O resumo da decisão de hoje, conhecida no meio jurídico como "tese", foi fixado da seguinte forma pelo Supremo: "Considerando que é dever do Estado, imposto pelo sistema normativo, manter em seus presídios os padrões mínimos de humanidade previstos no ordenamento jurídico, é de sua responsabilidade, nos termos do art. 37,§ 6º da Constituição, a obrigação de ressarcir os danos, inclusive morais, comprovadamente causados aos detentos em decorrência da falta ou insuficiência das condições legais de encarceramento"
Isto é brasil.
Isto é sacanagem.
E os trabalhadores honestos que foram empurrados para as encostas de barrancos, e para a beira de córregos imundos onde moram  vivendo em ambientes degradantes, sem direito à saúde pública, sem direito à moradia digna, e sem tantos outros direitos constitucionais que lhes são roubados?
Isto é brasil.
Isto é sacanagem
Precisarão cometer um assassinato ou roubarem alguém para terem acesso a esses direitos?
              

               

                    SEPARAR O JOIO DA POLÍTICA

              Escrevi este texto em agosto de 2009     
                          Alguma coisa mudou?   

Fico ouvindo as aberrações proferidas e executadas em todas as instâncias do poder, principalmente nas câmaras municipais, estaduais e federal onde se escondem os lobos vestidos de cordeiros. Em todas elas é preciso respeitar o Decoro Parlamentar, que segundo o dicionário significa: acatamento das normas morais; dignidade, e honradez.
A maioria dos nossos políticos sabem o que é moralidade, o que é dignidade e o que é honradeza?
Hoje, 11/08/ 2020 temos um presidente sem escrúpulos tentando manter-se no cargo apenas para provar que é intocável.
Faço questão de escrever brasil com letras minúsculas porque com a corja de políticos que nos governa, com algumas exceções, fazendo leis que colocam cabresto nas pessoas honestas, não poderia ser de outra maneira.
Ele já tem todo o poder que uma pessoa pode alcançar. 
Mais uma vez peço desculpas aos cidadãos de bem deste estado, esta foi a forma que encontrei para descrever o tamanho da vergonha e da falta de compromisso que os políticos têm com o povo sofredor que constrói este país pagando impostos com o sangue e o suor do seu trabalho.
E está assim...
Já passou da hora de colocarmos em pratica o ensinamento de Cristo na parábola do Trigo e do Joio quando mandou deixar crescerem juntos para na hora da colheita ficar fácil separá-los.
Eu sei que existe um pouco de trigo nesta grande plantação de joio.
Estamos nos aproximando de mais uma colheita, (eleição), já que não fomos agricultores muito eficientes para arrancarmos o Joio, nesta eleição teremos a grande chance de separá-lo do pouco trigo que plantamos.
Então, na condição de agricultores, devemos tomar muito cuidado na hora de escolher as novas sementes. Tem muito Joio se fazendo passar por Trigo, e precisamos saber distinguir a diferença.
Na útlima eleição, na minha cidade os eleitores  colocaram alguns joios na Câmara municipal, estadual e federal. E eles estragam tudo.
E por aqui já corre de boca em boca que um lobo derrotado e vestido de cordeiro quer se sentar em umas destas poltronas das casas da mãe Joana.
Devemos começar a nos movimentar para que isto não aconteça, ceifando sementes podres que plantamos.
Faço um apelo a todas as pessoas de bem, e principalmente as que exercem algum tipo de liderança: Não se vendam, não deixem o Joio matar o Trigo que existe dentro de vocês que construíram suas vidas com honestidade e dignidade,
Todos precisam fazer sua parte.
No descobrimento escreveram na carta para Portugal, que "Em se plantando tudo dá", e aqui o Joio da corrupção encontrou uma terra fértil.
Talvez não seja possível arrancá-lo de uma só vez, mas é urgente que comecemos a ceifar.
Precisamos hastear a bandeira da honestidade e marcharmos firmes contra os corruptos.
Cada um na cidade e no estado onde mora.
Eu já conheço o joio da minha cidade.
Você conhece da sua?
Não basta simplesmente não votar nele, é preciso ter coragem para pedir que outras pessoas também não votem.
Somos todos agricultores da política, e o título de eleitor é a nossa ferramenta.
Quem sabe daqui a uns anos, os nossos filhos não poderão colher mais Trigo do que Joio?
É só uma questão de saber e querer separá-los


                         O BRASIL É UMA ZONA  

       Escrevi este texto em fevereiro de 2009.                              Parece que foi hoje.                          

Ando desanimado com que leio nos jornais e ouço nos noticiários, e às vezes tenho vontade de me desligar do mundo. O problema é que o mundo não se desligará de mim, e os sem vergonhas da política continuarão sua saga de sacanagens contra este nosso povo cego que finge não ver.
Os políticos continuarão educando seus filhos nas universidades das tramoias, e os pobres continuarão educando seus filhos nas escolas da vida onde aprendem a votar em um sacana a troco de qualquer coisa
Com raríssimas exceções em todos os dois contextos.
Precisamos não votar em políticos profissionais, chega de ouvirmos os memos sobrenomes nas propagandas eleitorais, ou sentados nas cadeiras das várias câmaras ocupando cargos em todas as esferas do poder.
Será que um dia isto vai mudar?
Isto machuca e faz doer o coração e a consciência de quem quer um mundo melhor para todos.
Em abril de 2009 os deputados e senadores tiveram o descaramento de aumentar o número de vereadores em todo o país, simplesmente para terem mais puxa-sacos nas eleições majoritárias.
E pergunto...
Para que servem os tribunais eleitorais que são obrigados acatarem leis idiotas criadas e votadas por legisladores sem escrúpulos que legislam em causa própria?
E pergunto...
Para que servem os tribunais de justiça onde a injustiça impera, e os juízes não têm poder, ou não querem coibir tamanha insensatez?
Ao aumentar o número de vereadores, os deputados e senadores deram uma clara demonstração de que sabem mesmo para onde vai  o dinheiro público, que com certeza, uma grande parcela vai engordar ainda mais suas milionárias contas bancárias,
E mais uma vez faço a pergunta feita tantas vezes em outros artigos.
Para que serve um Senador? Você sabe quais são os senadores do seu estado, e em qual você votou?
Para que serve um deputado federal? O sem-vergonha em que você votou e elegeu, já visitou o seu estado depois de eleito?
Para que serve um deputado estadual? Você tem conhecimento de algum projeto útil elaborado para sua cidade feito por quem você elegeu?
Para que serve um vereador? O que você elegeu visitou o seu bairro depois da eleição, e você já viu ou ouviu dizer que ele apoiou algum projeto para melhorar sua cidade? 
E todos os dias, milhões de reais são desviados.
Enquanto isso, no serviço militar que é obrigatório, para servir a pátria o recruta tem que passar por humilhações em treinamentos abusivos a troco de uma mísera ajuda de custo.
Vale a pena defender esta pátria?
Não!
Para defender a pátria elaborando e votando leis absurdas e projetos inúteis nas câmaras federal, estadual e municipal e no senado, os políticos recebem uma fortuna que chamam de salário, e outras fortunas que são roubadas dos cofres públicos
Para defender a pátria uma trabalhadora ou um trabalhador honesto precisa suar para ganhar um  mísero salário-mínimo e ouvir todos os dias que políticos continuam roubando milhões de reais.
Por que os políticos precisam “ganhar” tanto para nada fazer?
Por que os juízes precisam ganhar tanto para praticarem a injustiça?Simplesmente porque o brasil não é uma pátria
É a casa da mãe Joana.
Uma zona...
Onde os prostitutos de mandato faturam alto vendendo e trocando leis a troco de propinas. e as pessoas pobres são obrigadas a irem à zona para elegerem os mesmos prostitutos profissionais que cobram um preço muito alto pelos seus serviços.
Precisamos de caras novas na zona da política, mas prestem bastante atenção nos sobrenomes, chega de repetição.
Em se tratando de ética e decencia da maioria dos políticos eleitos, o brasil é uma zona.
Em se tratando de ministros e dos funcionários do alto escalão dos governos, o brasil é uma zona.
Em se tratando da lei e da justiça, o brasil é uma zona.
Politicamente, o brasil é uma zona.






                            


                                  


 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você é muito bem vindo. Seu comentário ajuda na construção desse espaço de liberdade