17 agosto, 2021

MEU CORPO ESTÁ DE GREVE

 

                                              

Estou com um raro problema para resolver.
Os órgãos vitais do meu corpo parecem estar deflagrando uma greve.
Meu coração está ameaçando não mais enviar sangue para minha cabeça. Ele está dizendo que meu pensamento está cada vez mais sem noção e sem rumo. Segundo ele os meus pensamentos estão cheios de tristeza e rancor. Mas como evitar isso se os noticiários me mostram somente a falta de governo e a ameaça de ver a democracia destruída por políticos que não sabem o que é patriotismo e amor pelo seu país e seu povo.
Ele disse que não mandará sangue para o meu globo ocular porque ultimamente ele está olhando somente as tristezas do mundo, e que estou deixando as imagens tristes do nosso país se enraizar nas entranhas do meu pensamento.
Mas como posso evitar que isso aconteça se todos dias ao sair de casa e andar no meu bairro ou em qualquer outro lugar da cidade tenho que me desviar de lixo e entulho que “enfeitam as ruas e calçadas do meu bairro e da minha cidade. Não sei como deixar de olhar para a tristeza do mundo quando a Amazônia brasileira e o nosso pantanal serem destruídos por um governo que não sabe governar e está destruindo tudo por ignorância.
Meu coração falou que não deixará o sangue correr até os meus ouvidos porque ultimamente não tenho escutado uma música suave, e que estou ouvindo somente as vozes daqueles que me querem ver estressado e triste.
Mas como evitar isso se  as besteiras ditas pelo presidente se misturam com o grito de dor de milhões de brasileiros e brasileiras que viram seus entes queridos serem mortos e mortas vitimadas por dois vírus.
Meu coração falou também que não vai deixar o sangue correr até o meu nariz porque ultimamente não sente ele cheirando o perfume de uma flor ou de uma planta qualquer que o exala da natureza.
Mas como fazer isso se os cheiros que me amedrontam vêm de muitos odores fedorentos exalados pelo lixo espalhado e pelos dejetos fedorentos que substituem a água que antes corria calma e cristalina cantando sobre as pedras.
Sabendo dessa greve os meus rins estão falando para o coração que não mais vão filtrar o sangue e que deixarão os venenos dos alimentos industrializados irem me matando aos poucos.
Meu Pâncreas está ameaçando não processar os alimentos dizendo que está cansado de ser agredido por bebidas e comidas gordurosas e extremamente doces com seus conservantes que o envenenam.
Meus pulmões também estão dizendo que não mais farão a troca dos gases, e não mais irá eliminar o gás carbônico que irá me matar aos poucos. Eles estão cansados de se inflar de gases venenosos emitidos pelas chaminés das grandes empresas que se preocupam apenas com o lucro e jogam veneno  no ar para matar a fauna e a flora.
Meu fígado está dizendo que está cansado de ficar eliminando substâncias tóxicas que estou ingerindo, e que não vai mais produzir a Bile porque já está cansado de tanta gordura sendo enviada para meu organismo.
Confesso que não sei o que fazer. Há muito tempo faço meus exercícios rotineiramente e tenho uma preocupação muito grande com minha alimentação.
Tenho também uma admiração muito grande por todas as pessoas que lutam por um Brasil e por um mundo melhor
Preste atenção aos sinais que seu organismo lhe envia e aos sinais de morte que os políticos inescrupulosos se encarregam de nos enviar.
Será que o seu corpo também não vai entrar em greve?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você é muito bem vindo. Seu comentário ajuda na construção desse espaço de liberdade