14 de ago de 2017

PROTETOR SOLAR, VERDADE OU MENTIRA?


Resultado de imagem para pobre usando protetor solar
SERÁ QUE ELES USAM?




Quero pedir desculpas antecipadas à todas as pessoas que lerem este artigo, desculpas pelo atrevimento de alguém que não tem nenhum conhecimento técnico sobre o assunto abordado, e sequer frequentou as cadeiras de uma universidade.
Há alguns meses escrevi REVENDO A HIPERTENSÃO, onde relato meu relacionamento com os médicos, com os medicamentos e os procedimentos de saúde.
A mídia constantemente nos bombardeia com propagandas de todo tipo de tratamento e de remédios que curam todas as doenças, enquanto isso somos orientados a não consumir medicamentos sem prescrição médica.
Esta semana, ao mudar o canal da televisão, parei em uma emissora cujo programa ensinava como usar o protetor solar, onde o profissional convidado e os apresentadores juravam que os raios do sol provocam câncer de pele.
Claro que não são os únicos a fazerem tal juramento.
Se esta afirmação fosse verdade, as pessoas pobres do mundo inteiro já teriam morrido.
O programa ensinava como aplicar o protetor solar, e para isso utilizavam uma colher de chá para demonstrar a quantidade certa a ser aplicada no corpo.
Uma colher para a cabeça, duas para o tórax, duas para os braços, quatro para as pernas, no total, nove colheres de chá de protetor solar.
Segundo os especialistas, é preciso aplicar o protetor todos os dias, se estiver curtindo um churrasco na laje, na beira de uma piscina, ou na praia, esse procedimento precisa ser realizado de duas e duas horas.
Agora vejamos...
Um frasco de protetor solar, fator 30, um dos mais baratos, com 200 ml, custa em média, R$ 40,00.
Uma colher de sopa equivale a 5 ml
Aplicando nove colheres do protetor diariamente, o consumo será de 45 ml, uma pessoa consumirá um frasco em cinco dias, isso causará uma despesa de oitenta (R$ 8,00) por dia.
Um dia curtindo o sol na laje, na piscina ou na praia, o consumo fica assim: aplicando nove colheres de duas em duas horas, cinco vezes no dia, o consumo será de 200 ml. Isso quer dizer que, segundo os especialistas, se uma pessoa quiser se proteger terá que usar um frasco em um único dia, isso vai gerar uma despesa de cem reais, (R$ 40,00), por dia para cada pessoa de uma família que estiver curtindo a piscina, a praia, ou sua laje.
Então faço a seguinte pergunta?
As pessoas que você conhece tem condição finaceira para bancar o uso do protetor solar?
Eu faço trabalho voluntário nas periferias da cidade há uns cinquenta anos, e de todas as pessoas com quem tenho contato, não conheço vinte que usam o protetor solar, e noventa e nove por cento das pessoas que conheço não tem condições financeiras para comprar, e nenhuma delas desenvolveu o famoso câncer de pele.
Então só mais uma pergunta.
O sol provoca câncer? 
Ou a indústria farmacêutica dos milionários, com seus garotos e garotas propaganda famosas, promovem um verdadeiro terrorismo nas pessoas para faturarem cada vez mais?
Com a palavra, os especialistas.



4 comentários:

  1. Olá raldo, meu querido amigo!

    Enquanto lia seu texto, atentamente, ia pensando nele, mas eu, tal como você, não tenho conhecimentos científicos pra falar sobre esse tema.

    Sei que nos países mais pobres, em África, as pessoas não usam protetor solar, pke eles quase nem água têm, k é um bem essencial, qto mais cremes para os proteger do sol. Quem nasce apanhando sempre sol, acho que nunca desenvolve cancro do pele, sobretudo se a pele for bem escura. Repare, os pescadores, todos os dias, levam com o sol em cima, horas e horas, e no entanto, não há câncer de pele, todavia têm a pele envelhecida e um homem de 30 parece ter 60. O sol, como tudo o k é em excesso, faz mal, dizem. Há homens, que toda a vida beberam tomaram bebidas alcoólicas, diariamente, em doses bem "satisfatórias, e não desenvolvem cirroso hepática. Como explicar isso? Não sei.

    Qto ao lucro da indústria farmacêutica possa ter nesse incentivo a usar isso e mais aquilo, acredito que, mas as pessoas t~em prioridades mto mais importantes, como a alimentação.

    ResponderExcluir
  2. Retificando: Geraldo

    Beijos para todos e para o Bernardo, especialmente.

    ResponderExcluir
  3. Será mais uma campanha de promoção de vendas de cremes para a pele por falta de pigmentação para aguentar a intensidade do sol?

    Felicidades.

    Cidália Rodrigues

    ResponderExcluir
  4. Oi, Geraldo!

    Tudo bem?
    Relendo meu comentário tenho de retificar umas palavrinhas e que são: cirrose e têm.

    Beijos para todos vocês.

    ResponderExcluir