23 de dez de 2012

A MANJEDOURA SE ALARGOU


 




Olhei para todos os lados                 
procurando um Deus
invisível que me atendesse
e ouvisse minha oração.
Como diziam que ele era Rei
comecei a procurá-Lo em grandes templos
e em suntuosas igrejas
e não encontrei.
Procurei sua presença nas palavras dos grandes pregadores
que se dizem “homens de Deus”
e neles também não estava.
Comecei a desistir, quando alguém me lembrou:
Ele nasceu em uma manjedoura.
Um nome bonito que simplesmente é um coxo para alimentar os animais.
Aí foi fácil demais!
Fui procurá-Lo no meio dos pobres
e lá estava.
Comendo com os pecadores
dizendo sim à prostituta
conversando com os presos
sendo crucificado com os ladrões
morando nos asilos de caridade.
Sendo abandonado com sua cruz
pesada demais!
nos carrinhos
que carrega o lixo das grandes cidades
E dormindo em caixas de papelão
porque todas as portas se fecharam
e os corações embruteceram
Então..
a manjedoura se alargou
e nem o coxo onde o bicho homem se alimenta
tem mais espaço
para o filho de Deus...
Voltar a nascer
.

Um comentário:

  1. Uma bela reflexão sobre a data amigo.
    É bem assim, o principal convidado foi esquecido ao longo do tempo e o que se vê é uma correria para o consumismo.Lamentavel né?
    Um abração e Feliz Natal de paz e luz com a familia.

    ResponderExcluir