6 de jan de 2012

NO PARAÍSO


Pensar no amor                                                           
é trazer sua imagem para dentro
do meu pensamento
da minha alma
a cada instante em que a solidão
insistir em fazer morada no meu coração.                  

Pensar na ternura
é trazer o brilho do seu olhar
para enfeitar minha vida
e todo o meu ser
dando-me a certeza que viver é: ter você

Pensar em paixão é
me lembrar do seu beijo
no aconchego do seu abraço
na entrega que inebria
num roçar de corpos que arrepia

Pensar em prazer é
lembrar os momentos de emoção
quando dois olhares se cruzaram
duas mãos se tocaram
dois corações se entregaram
duas almas se fundiram
em amor
ternura
paixão

2 comentários:

  1. Olá querido Geraldo,

    NO PARAÍSO? Não poderia ter encontrado melhor título para esse seu poema.

    BELÍSSIMO E ROMÂNTICO POEMA, ONDE DOIS SERES DIFERENTES SE ENCONTRAM E SE DÃO.

    Esse tipo de poesia me deixa de "cabeça para baixo", meia sem saber o que fazer.
    Me apetece ser personagem de todas elas, confesso.

    A PAIXÃO E A ENTREGA CONSCIENTE SÂO ACTOS MARAVILHOSOS, INCLASSIFICÁVEIS.

    Continue amando desse jeito, e durará, no mínimo mais uns 40 anos, porque o amor revigora e nos tona mais jovens.

    Bom fim desemana.
    Até amanhã.

    Beijos de muita luz, no paraíso e com paixão.

    ResponderExcluir
  2. Como diz a musica do Cesar:É só pensar em voce que muda o dia,minha alegria dá pra ver...
    Bela inspiração amigo.
    Meu abraço de paz e luz.

    ResponderExcluir