20 de dez de 2011

PAIXÃO AVASSALADORA


Hoje, uma jovem senhora
Que até no nome irradia
Disse estar cansada de cenas e palavras que entristecem
E pediu para escrever palavras de alegria
Como não atender?
Se o apelo foi tão meigo.
Vou falar de amor
De entregas e aconchego
Que de perto faz o corpo vibrar
De longe provoca arrepios
Por sentir saudades um do outro
Sentem os corações acelerar
Vou falar de carinho
De abraços e beijos apaixonados
Que aproximam dois amantes
Estando longe um do outro ou mesmo vivendo lado a lado
E quando os corpos ocupam o mesmo espaço
Homem e mulher se fundem pelo prazer
Deixando a paixão chegar avassaladora
Manifestando-se no suor e na alegria do amor saciado.
E com os corpos esparramados, se acariciam apaixonados


5 comentários:

  1. Olá estimado Geraldo,

    Nota 10 para a imagem, que encima sua postagem.
    Parece uma cena de "Romeu e Julieta".
    Detesto ver mulher de joelhos, mas homem, fico, quase babando de encantamento.
    Adoro paixões, atracções fatais e amores proibidos.

    Mas como é compreensivo e carinhoso!
    O poema não lhe saiu dos seus dedos, apenas. Ele lhe saltou do peito, com ternura, com entrega. OBRIGADA.

    Eu gosto de ser mimada, sempre foi muito mimo e amor, que me deram.

    Lindo, sincero e arrebatador.

    Gostei quando me chamou Princesa, indirectamente. Prepare a espada e a armadura, porque há outro seguidor, que só usa essa palavra quando a mim se dirige.
    Não quero duelos!

    Lhe agradeço mais uma vez.

    Beijos de muita estima e de luz.

    ResponderExcluir
  2. Muito bem amigo, nada com deixar o coração criar asas.Linda inspiração.
    Meu abraço de paz e desde já UM FELIZ NATAL de paz para toda familia.

    ResponderExcluir
  3. Olá estimado Geraldo,

    Já se habituou a tomar o chá da manhã comigo, e fica difícil a gente não se encontrar e bater um papo.

    Gostou? Está quentinho (me refiro ao chá)?

    Lhe desejo um dia de sol, com paixão avassaladora.

    Beijos de luz.
    PS: já pensou no presente, que me vai dar no natal (ai, Patrícia me mata)?

    ResponderExcluir
  4. Olá Sr. Geraldo,

    O que é que você fez à luz (solar)?
    Lisboa está coberta por um denso nevoeiro, sabia?

    Lhe desejo um dia agradável e com muita luz.

    Beijos de luz.

    ResponderExcluir
  5. QUE O SENHOR TE CONCEDA UM NATAL EXTRAORDINÁRIO QUE HAJA SAÚDE, PAZ, ALEGRIA E PROSPERIDADES NESTE NOVO ANO QUE SE INICIARA, QUE DEUS TE ABENÇOE COM BENÇÃO SEM MEDIDA É O MEU SINCEROS VOTOS A VOCÊ TÃO ESPECIAL! ABRAÇO E BEIJO NO CORAÇÃO DIANA

    ResponderExcluir